Atelier-Visita na SNBA

Esta é a proposta da Sociedade Nacional de Belas Artes para uma tarde de sábado diferente.

A actividade começa com uma visita à exposição das obras de Fernando de Azevedo e às pistas que vai deixando nas suas obras. “Como será que uma letra fará a ponte para uma ideia, um sentimento ou uma ressonância estética que determinada obra criou no autor? Inspiradas nos textos que escreveu, as pistas, simples como as letras, são pontos de partida para o pulo que iremos dar do “olhar” para o “ver” e do “decifrar” para o “entender”. No atelier, entre o cavalete, as tintas, o suporte e a paleta é tempo de criar e viajar pelo mundo surrealista, abstrato ou figurativo…”

Atelier-Visita aberto à participação de crianças entre os 6 e os 12 anos, acompanhadas por um ou dois adultos que decorrerá dia 28 de Abril, entre as 15h e as 17h.

Inscrição: 5 Eur.

Marcações: visita.atelier@snba.pt

O segredo do papa-formigas

É pelas mãos da Kalandraka que nos chega “O segredo do papa-formigas“, mais um livro de cabeceira que o convidamos a descobrir. Um conto em 31 poemas, em 31 pequenas estórias portagonizadas por uma menina e por um “velho tigre” à hora de dormir.

Escrito pela professora Beatriz Osés e belissimamente ilustrado por Miguel Angél Diéz, “O segredo do papa-formigas” foi vencedor do Prémio de Poesia para Crianças – Cidade de Orihuela – de 2008.

Leia em voz alta e delicie-se!

“O velho tigre”
Sabe da noite,
sabe das fadas…
Acende pirilampos,
conta-me em voz baixa.
Conhece o mistério
do arganaz traquinas,
dos bichos-bola,
do papa-formigas.

Jornadas Europeias do Património

As Jornadas Europeias do Património são uma iniciativa anual que conta com a participação de 50 países e procura promover a “sensibilização dos cidadãos europeus para a importância da salvaguarda do Património.”

A temática apresentada para 2011 é “PATRIMÓNIO e PAISAGEM URBANA”, procurando consciencializar e sensibilizar os cidadãos para a protecção e valorização das “características da paisagem nas cidades, vilas e aglomerados urbanos”.

Esta iniciativa procura cativar a população em geral, disponibilizando uma oferta vastíssima de actividades para todos os públicos e todas as idades.Nos dias “23, 24 e 25 de Setembro cerca de 500 entidades públicas e privadas distribuídas por 146 concelhos/localidades, incluindo as Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira, irão realizar 590 actividades – cerca de 73 exposições, 70 conferências, 67 ateliers e workshops educativos, 65 espectáculos, 15 concursos de fotografia e 10 lançamentos de livros e 250 visitas guiadas e percursos orientados.”
 
Não deixe de aproveitar a oportunidade! Para saber mais espreite aqui e aqui.

A Fantástica Viagem de Marco Polo

A Caravana de Marco Polo, 1375.

Hoje, no Lápis&Pinceis, sugerimos que peguem nas imagens 1, 2 e 3 que aqui colocamos, que as imprimam e as colem por ordem numa cartolina de forma a montar um tabuleiro de jogo.

Este jogo de tabuleiro oferece pistas e possibilita escolhas sobre a temática da história medieval, mais propriamente sobre a fantástica viagem do veneziano Marco Polo ao Oriente. Sugerimos assim que se sentem e brinquem um pouco com este pedaço da História.

O Jogo não é da autoria do Lápis&Pinceis e foi retirado do Livro “Idade Média – Jogos de Tabuleiro“, de Madelaine Deny, com ilustrações de Xavier Mussat e editado em Portugal pela Edicare. Deixamo-lo aqui como sugestão de uma forma divertida de aprender e brincar com a História Medieval.

O mundo fantástico de Bosch

Este quadro de Hyeronimus Bosch retrata São João isolado em Patmos a escrever o Livro da Revelação do Apocalipse – o livro que o Santo tem colocado sobre o colo.

Olha para a obra e observa a noção de profundidade, com a apresentação das imagens em vários planos, tão diferente da forma como os fundos eram representados em época medieval. Repara também no contraste cromático entre o fundo da imagem – com um céu carregado de núvens – e as figuras apresentadas em primeiro plano.

A nível temático observa a relação entre o sagrado, presente na imagem da Nossa Senhora, do anjo e do São João, e do profano, representado pelo corvo e pelo estranho ser – meio homem, meio insecto – que se pode ver atrás do Santo.
Esta relação, apresentada de forma onírica e fantástica é uma constante na obra de Hyeronimus Bosch, usualmente considerado como o primeiro pintor fantástico.

Lápis & Pincéis:

Imprime a folha anexa e pinta a imagem  do quadro. Para que o faças sugerimos que utilizes lápis ou lápis de aguarela que tornarão os esfumados das nuvens mais simples de fazer. Podes descarregar a actividade aqui.

O Egipto na FLUL

Decorrerá entre 12 de Outubro e 21 de Dezembro do corrente ano na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa o IV curso de Egiptologia. Composto por 12 sessões abordará, entre outras, as seguintes temáticas: As Rainhas no Antigo Egipto, O Egipto do Império Novo, O Egipto na Mitologia Grega ou o Egipto Greco-Romano.

Sendo uma temática que apaixona dos 8 aos 80 não deixe de aproveitar a oportunidade que a FLUL oferece.

Para saber mais contacte o Centro de História através do seguinte endereço: centro.historia@fl.ul.pt.

My Choice, Galeria da Fundação EDP, Porto

Madame Yevonde, Machine Worker in Summer, 1937.

Baseada no conceito de artista-curador, a exposição My Choice mostra um conjunto de 87 obras seleccionadas por Paula Rego, do acervo da Colecção do British Council.

As peças seleccionadas vão desde desenhos, fotografias, gravuras e pinturas que responderam apenas ao critério do gosto da pintora, sendo o seu olhar a linha condutora da exposição.

My Choice poderá ser vista entre 14 de Julho e 23 de Outubro de 2011 na Galeria da Fundação EDP, no Porto, seguindo posteriormente para A Casa das Caldeiras, em Coimbra.

Para saber mais, espreite aqui.